domingo, 16 de março de 2014

Filmes em 60 segundos: O Exterminador Implacável (Terminator) [1984]


Mais do que um simples filme de acção mainstream (onde estão incluídas grandes doses de pancadaria e efeitos especiais), «Terminator» é um exemplo do uso da mais pura criatividade, para um conceito que poderia apenas ser manipulado para encher mais um grande chouriço cinematográfico. É um bom blockbuster que não se fica pelo lado pipoca, onde se destaca a originalidade, pelo seu tão bem executado entretenimento (que felizmente, não se limita a passar imagens aleatórias numa playlist de rebaldaria para o espectador) e pelo estilo puramente 80’s, inimitável na modernidade pouco inventiva. Apresenta um dos vilões mais icónicos do grande ecrã, que valeu a Schwarzenegger o estatuto de lenda, e James Cameron injecta uma faceta social e narrativa muito bem construída e verdadeiramente apelativa. Permanece perturbador, surpreendente, envolvente e eficientemente enervante, aproveitando todas as componentes do género, elevando-se, por isso, a um patamar que poucos filmes de acção desejam alcançar.

★ ★ ★

Sem comentários:

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).