Diálogos sobre a Fé: um apelo à tolerância inter-religiosa


Eduardo Prado Coelho, notável intelectual português, falecido há alguns anos mas que deixou um trabalho e uma carreira excecional para a posterioridade, e D. José Policarpo, (por enquanto ainda) Cardeal-Patriarca de Lisboa, juntaram-se para esta iniciativa jornalista que consistiu num conjunto de cartas (seis ao todo, sendo que cada metade é de um dos autores) que um, agnóstico, e o outro, católico, enviaram entre si, formando um compêndio de comentários às muitas inquietações, dúvidas e polémicas que envolvem o mundo atual dos crentes e dos não-crentes, de um lado e de outro da "barricada". É um livro curioso pela abrangência dos temas que trata, pela rapidez da sua leitura (apesar de abordar temáticas muito profundas) e pela forma como nos mostra que, apesar dos diferentes credos religiosos, os seres humanos têm sempre de confrontar os mesmos problemas sociais e humanos todos os dias e por todas as gerações. Uma obra interessante para qualquer pessoa, que não pretende dar respostas, mas sim deixar ainda mais perguntas na cabeça de cada leitor.

Comentários

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).