sábado, 18 de agosto de 2012

Um apelo para o regresso de uma rubrica deste blog

Hum... estive a ler os posts de uma rubrica "abandonada" deste blog, e depois pensei, e acho que já estava na altura de regressar esta que era uma das mais famosas rubricas da Companhia das Amêndoas (embora, vejamos, no caso deste blog, a "fama" é pouca ou quase nenhuma), o «Rui Responde», que consiste, basicamente, em eu responder a perguntas colocadas por vós, leitores das minhas palavras mal soletradas. Convido toda a gente a mandar perguntas para este post, para os meus mails, para o blog... enfim, só sei é que a resposta é garantida! 
Mandem lá as vossas questões... tenho saudades das respostas patéticas que eu dava! :)

5 comentários:

  1. Então eu deixo-te uma: como amante de filmes que és (não digo de "cinema" mas de filmes que é outra coisa...), se neste momento tivesses recursos ilimitados que filme tu gostarias de fazer? E quero uma resposta imaginativa e detalhada: que história quererias contar e porquê, que actores gostarias de utilizar, que cenários, que tempo, que técnicas... etc... Puxa pelo teu desejo interior e mostra-me "o teu filme". Isso deverá dizer muito de ti e do que gostarias de oferecer ao mundo... xD

    ResponderEliminar
  2. Gosto muito da pergunta! :) A resposta será o mais detalhada possível, prometo!!! :)

    ResponderEliminar
  3. Ora então cá estou eu:
    - Tens alguma fobia?
    - O que é suposto a vida ser?
    - Escreve a primeira palavra que te ocorre neste momento. Tenta explicar de alguma forma porque razão a escreveste - tudo tem o seu significado.
    - Até que ponto estas disposto/a perdoar os erros de quem te é próximo?
    - Acreditas no "felizes para sempre"?
    - Diz-me uma coisa sem a qual não consigas viver - não vale escolher o oxigénio.

    E é isto.
    p.s: rita gonçalves; agora não dá para comentar com nome e url seu palerma!

    ResponderEliminar
  4. Rita, como já te tinha dito por SMS, fui resolver o assunto e prontos :) e com as tuas perguntas já tenho o suficiente para poder começar com o regresso desta rubrica :)

    ResponderEliminar

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).