quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

O cowboy da meia noite

«O cowboy da meia noite» retrata a vivência de dois homens nas ruas de Nova Iorque (e em particular a "47 street"). Joe Buck (Jon Voight) é um ingénuo rapaz do campo com um passado não muito feliz, que decide viajar até Nova Iorque para enriquecer à custa de mulheres mais velhas e mais ricas. A dada altura, conhece Ratso Rizzo (Dustin Hoffman naquela que considero a sua melhor atuação, de todos os filmes que vi do currículo deste ator), um vagabundo deficiente e também com uma triste história de vida, que se irá juntar a Joe e a ajudá-lo no seu "negócio". «O cowboy da meia noite» é um grande clássico do cinema americano, aplaudido e aclamado desde a sua estreia até aos nossos dias, tendo vencido três Oscares da Academia para melhor realizador, melhor argumento adaptado e melhor filme de 1969. De destacar as poderosas interpretações das duas personagens principais, o soberbo argumento, a excelente montagem e a extraordinária realização. Uma obra cinematográfica que não merece ser esquecida.

Nota: * * * * *

Sem comentários:

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).