sábado, 20 de agosto de 2011

Uma notícia que os jornais não deram, por imbecilidade ou não sei, e que só agora pude saber graças a esta crónica de Ferreira Fernandes publicada hoje no DN. Morreu na quinta-feira Tabary, desenhador do célebre Iznogoud, personagem da BD que me marcou a infância.


E faz-me lembrar que muitos hoje em dia, tal como diz a crónica, querem ser «califas no lugar do califa».


R.I.P

Sem comentários:

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).