sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Curiosidade em ver «A autobiografia de Nicolae Ceausescu», um documentário bastante aplaudido pela crítica.
Eis aqui uma pequena sinopse:
Afinal de contas, um ditador é simplesmente um artista capaz de pôr integralmente em prática o seu egotismo. Se ele se transforma num Baudelaire ou Bolintineanu, Luís XVI ou Nicolae Ceausescu é meramente uma questão de nível estético.» Andrei Ujica. No decurso do julgamento sumário a que foi submetido juntamente com a esposa, Nicolae Ceausescu revê a sua longa estadia no poder: 1965-1989. Trata-se de um quadro histórico que, na sua abrangência, se assemelha aos frescos do cinema Americano, como é o caso daqueles que abordam a Guerra do Vietname.

E o trailer:




Sem comentários:

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).