Canta, mas não é comigo, ouviste?!

Enquanto estou cá em cima, em Ovar, existem quatro canais. E ao domingo à noite vê-se programas de cantorias.

Eu não sou grande adepto desses programas. Se não estiver alguém a cantar bem ou uma música do meu agrado, vou dar uma volta de bicicleta ou ler um livro. É tempo mais bem gasto.

Falo, mais precisamente, de «Canta comigo», um programa da TVI que pauta por uma apresentadora má e um júri que não é nada de especial. É mais do mesmo. Mas neste programa, ao contrário de tantos outros que os meus familiares gostam de ver, fugi logo ao ver quem apresentava e o modo horrível como fazia o seu trabalho.

«Ah ah a Rita Pereira a apresentar um programa... Vou ali e já venho, ora!»

Na minha opinião, acho que uma pedra da calçada apresentava melhor um programa de televisão do que a Rita Pereira... Que desastre de programa é esse da TVI... Se já havia apresentadores que, pronto, falam para as massas, esta tenta falar para a câmara e já vai com sorte. A TVI fez aquilo a que eu gosto de chamar dar pérolas a porcos. Mas enfim, pelo menos ela está na TVI. Se estivesse a fazer o Câmara Clara na RTP2, isso já era inadmissível.

Comentários