sexta-feira, 15 de julho de 2011

Uma música para o fim-de-semana. Calha bem, porque se chama «Sub-16». E 16 é a minha idade.

Descobri-a graças a uma promoção da Worten, que tinham o álbum dos GNR «Rock in Rio Douro», com este e outros sucessos da banda (como «Sangue Oculto», «Pronúncia do Norte» e «Ana Lee»), ao módico preço de... 99 cêntimos.

Adoro estas promoções.

Bem, fiquem com a música, e bom fim-de-semana!

2 comentários:

  1. Esse álbum para mim é mítico. É do tempo em que andava eu na escola e marcou-me imenso. Talvez por isso eu continue a achar que os GNR são das bandas portuguesas que têm *qualquer coisa* de muito interessante, quanto mais não sejam as letras do Rui Reininho que são absolutamente delirantes. Para um fã dos Monthy Python e Woody Allen, eu recomendo vivamente que percas tempo a analisar as letras desse CD e, já agora, do outro CD magnífico do Rui o "Companhia das Índias". Elas são tudo menos aleatórias e estúpidas, são extremamente inteligentes os jogos fonéticos e de semântica que por lá se passam. Ao nível das melhores coisas que tenho visto.

    http://musicologo.blogspot.com/2008/06/desconstruir-reininho.html

    ResponderEliminar
  2. Sempre tive um carinho especial pelos GNR pelo estilo especial que só eles têm, quer em termos de letras, quer nas canções, quer nos próprios membros da banda.
    Obrigado pela sugestão e vou ver se ouço o CD do Rui Reininho.

    PS - Bom post!

    ResponderEliminar

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).