segunda-feira, 18 de julho de 2011

Outro filme? Irra...

Estas boxes da televisão por cabo são uma maravilha. Ultimamente tenho conseguido gravar filmes que há imenso tempo tinha curiosidade de ver.

Um deles foi «Apanha-me se puderes», de 2002, uma fita de Steven Spielberg baseada numa história verídica.

A história do filme pode-se resumir a meia dúzia de palavras: o que se passa é que temos um agente do FBI que persegue um «puto» que se faz passar por diversas identidades e que engana bancos e pessoas com os seus esquemas de roubar dinheiro através de cheques falsos.

Na minha opinião, este não é o melhor filme de Spielberg, mas é um filme extraordinário e que recomendo vivamente. Um Leonardo di Caprio em grande, juntando-se mais um formidável Tom Hanks, com um grande argumento e uma realização dinâmica de Steven Spielberg que nos agarra ao filme e que sabe o que o espectador quer a cada momento.

Nota: ****1/2

Sem comentários:

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).