Mais um post filosófico

Ao longo da minha (curta) vida, conheci gentes, estive em diversos lugares, contactei com outras culturas, conheci e entendi diversas opiniões, escrevi o que penso e disse o que me vinha na alma.Gostei de ter conhecido quem conheci, e ter visto o que vi, de ter estado com quem estive e de ter feito o que fiz. Não me arrependo do que deixei para trás e das decisões que tomo agora em certos aspectos. Aliás, como dizia o Charlie Chaplin, «a vida é uma peça de teatro que não permite ensaios».
Portanto, o que errámos, errámos.
É claro que há certas coisas, ou pessoas, que por mim nem lhes tinha posto a vista em cima. Mas acho que esses maus momentos contribuem para o desenvolvimento das pessoas, porque a vida não é só coisas boas.
Eu sei que no futuro vou reencontrar gente que vou deixando de ver ao longo da vida, nomeadamente as pessoas que lêem este blog e que são minhas amigas.
Mas a vida é assim!
Não podemos conviver sempre com as mesmas pessoas e viver nos mesmos lugares!
A vida é uma roda que está sempre a girar!
Nunca sabemos o que é que nos vai sair!
O futuro preserva-nos grandes surpresas para cada um de nós!

Portanto, para aquelas pessoas que me perguntam porque é que para o ano vou para uma escola diferente da que toda a gente vai (e sim, este post é somente dirigido a elas), espero que compreendam.

Ou não.

Mas disse o que tinha a dizer. Isso é que é importante.

Rui Sousa

Comentários

  1. Tens jeito para as 'filosofias'. Fizeste bem em comentar essa frase do Charlie Chaplin, é mesmo linda.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Se chegaram até aqui e tiverem alguma mensagem, crítica, ou opinação a fazer em relação ao que acabaram de ler, façam o favor de o escrever aqui. A gerência agradece e responde (se não forem nenhum príncipe da Malásia que tem 10 milhões de dólares para me oferecer, claro).